10 abril 2014

Minha experiência e opinião sobre “o bico”


Boa tarde queridas;

Hoje eu vim dividir com vocês a minha opinião e minha experiência com o bico ou chupeta, bem esse é um assunto delicado, pois algumas mães amam e outras odeiam, mas no meu caso facilita bem a minha vida e deixa a Valentina mais calma e independente.
Vou explicar melhor, muitas pessoas inclusive da minha família sempre me disseram para não dar o bico, pois a criança fica chata, os dentes ficam tortos entre outros males. Porém saio mais com ela de carro, e quem tem carro sabe que se não tiverem uma distração ou dormirem, os bebês não ficam no bebê conforto. 

Então antes da Valentina nascer meu marido comprou um bico tamanho 0 com formato anatômico, só dei o bico pra ela 1 semana após o nascimento, pois na primeira semana ela dormia muito e não precisou dele para se acalmar. Após 1 semana comecei a dar o bico a ela no carro e após mamar quando ia dormir, para minha surpresa ela se adaptou bem com ele e não usava o tempo todo.




Com 4 meses troquei o bico para o Avent da Philips, que veio junto com o kit de mamadeiras dela, o tamanho dele também é 0, mas o bico é de formato achatado e transparente. Ela usou ele até fazer 8 meses, o ideal é trocar com 6, mas o tamanho dele estava muito bom, por isso esperei.




Quando fui trocar o bico, procurei em todas as farmácias possíveis um bico da mesma marca maior, porém não encontrei e acabei comprando um da lillo xadrez que ela está usando até hoje com 10 meses. No começo foi difícil para ela aceitar o bico novo que também possui formato anatômico, mas acabou aceitando após 2 dias.





Bem queridas na minha opinião, o bico quando utilizado moderadamente é muito bom, o problema é só que algumas mães dão o bico aos filhos o tempo todo, por qualquer resmungo que seja. O que eu recomendo é acostumar o bebê com o bico em determinado horário e situação, pois assim seu bebê não fica totalmente dependente e aos poucos você consegue ir reduzindo o uso até parar totalmente.
A Valentina usa o bico para dormir, o que evita de eu ter que ficar sacudindo ela de um lado para o outro no braço e quando está no carro, pois a deixa mais calma e faz com que durma quando o percurso é longo.


Bem queridas espero ter ajudado, e qualquer dúvida podem me perguntar, pois vou ter o maior prazer em ajudar.


Para ficar por dentro das novidades é só seguir o blog e a página do facebook.




Salmos 138:3 No dia em que eu clamei, me escutaste; alentaste-me, fortalecendo a minha alma.




Beijos Sayury Mendes




Nenhum comentário:

Postar um comentário

© By Sayury Mendes - 2014. Todos os direitos reservados.
Criado por: Tatiana Design.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo